Dados para projetos de torres de resfriamento

Dados para projetos de torres de resfriamento

A Caravela Thermotank tem uma equipa de engenheiros treinados para fazer o levantamento dos dados para projetos de torres de resfriamento:

1) Quantidade de calor a ser removido:

Simbolo: Q ; unidades (Gcal/h; Mcal/h; kcal/h), onde cal = caloria
1 kcal é definida, como a quantidade de calor necessária para aumentar a temperatura de 1 kg de água em 1°C.
Outras unidades são também utilizadas, por isso a tabela de conversão a seguir:
1 BTU = 0,252 kcal = 1055,1 J, onde BTU -Britisch Termal Unit e J -Joule

Outra unidade, bastante utilizada, TR – tonelada de refrigeração
1 TR = 12 000 BTU = 3024 kcal/h. Para instalações de ar condicionado 3750 kcal

2) Equação básica:

Q = Gw x cw x z, onde GW = vazão de água , cw = calor específico
GW = vazão de água , cw = calor específico
cw = calor específico da água = 1
z = salto térmico – diferença de temperatura entre a água quente e fria
Observação importante: a quantidade de calor não é base para se analisar o desempenho de uma torre de resfriamento. O calor pode ser retirado em qualquer nível de temperatura, ou seja, a mesma quantidade, pode ter a água com temperaturas de 50°C para 40°C, como de 40°C para 30°C.

3) Vazão de água:

Simbolo: GW ; unidade 1 m3/h; 1 t/h
Outras unidades são também utilizadas, por isso a tabela de conversão a seguir: 1 Imp-GPM = 0,2728 m3/h, onde IMP-GPM é imperial galon per minute.
1 US-GPM = 0,2271
A vazão de água é quase sempre, indicação do cliente.

4) Temperatura da água quente:

Simbolo : tw1, unidade, °C
Muito importante, para que os materiais plásticos aplicados, resistam a temperaturas elevadas. De uma maneira geral, PVC e pp, não tem boa resistência acima de 55°C.

5) Temperatura da água resfriada:

Simbolo: tw2, unidade, °C
A temperatura da água resfriada é o valor mais importante de uma torre de resfriamento. Quando não atingido na operação, muitos problemas ocorrem com o cliente.

6) Salto térmico:

Símbolo z, unidade K – grau Kelvin. Na prática do Brasil usa-se oC.
Equação: z = tw1 -tw2

7) Aproximação ao bulbo úmido:

Símbolo: a
Equação: tw1 – tf
Aproximação ao bulbo úmido é a diferença entre a temperatura de água resfriada e a temperatura de bulbo úmido. A aproximação é um indicativo do tamanho da torre. Quanto menor seu valor maior é a torre.

8) Temperatura de bulbo úmido:

Simbolo: tf, unidade °C;
A temperatura de bulbo úmido é a temperatura teórica, limite que a água resfriada pode atingir, com o resfriamento evaporativo de uma torre de resfriamento.
A temperatura de bulbo úmido é a combinação da temperatura de bulbo seco e a umidade relativa do local. A temperatura de bulbo úmido é uma característica de cada região do globo. Geralmente é escolhida, como aquela que será ultrapassada cerca de 5% das horas, quando medida nos meses quentes. No Brasil é a média das máximas nos meses de verão.

9) Sumário:

Para projetar uma torre de resfriamento é necessário o seguinte:
1) Vazo de água, em m3/h
2) Temperatura de água quente, °C;
3) Temperatura de água resfriada, °C;
4) temperatura de bulbo úmido;

Entre em contato para mais informações sobre dados para de projetos de torres de resfriamento.
Ligue Tel: (11) 4151-2206 ou clique aqui ou entre em contato por e-mail: vendas@torre-caravela.com.br